Faculdade de Ciências
Faculdade de Ciências
   
 
ENCINE - Ensino de Ciências e Inclusão Escolar
Livro Ensino de Óptica para Alunos Cegos: Possibilidades

 

ENSINO DE ÓPTICA PARA ALUNOS CEGOS: POSSIBILIDADES - ESGOTADO

(ISBN: 978-85-8042-003-6)
Editora CRV, primeira edição, Curitiba, 2011

Ensino de Óptica para alunos cegos: Possibilidades

 

Este livro é parte dos resultados de dois projetos de pesquisas complementares desenvolvidos entre os anos de 2005 e 2009. O primeiro refere-se a uma investigação de pós-doutorado que visou analisar os processos de planejamento de atividades de ensino de física por licenciandos para ambiente educacional que contemplou a presença de alunos cegos. O segundo fez parte do desenvolvimento do plano trienal docente realizado na UNESP de Ilha Solteira e objetivou investigar a aplicação dos planos no ambiente educacional mencionado.

Organizado em nove capítulos, busca compreender quais contextos comunicacionais favorecem e quais dificultam a participação efetiva do aluno cego em atividades de óptica. Para tal, define, a partir das estruturas empírica e semântico-sensorial, a linguagem utilizada nas atividades, bem como o padrão discursivo em que essas linguagens foram empregadas.

Enfoca temas como o ensino de reflexão, refração, dispersão da luz, cores, relação luz matéria (opacidade, transparência, etc), espelhos planos e esféricos, lentes, entre outros. Discute saberes docentes necessários à condução de atividades inclusivas de óptica. Apresenta materiais táteis que auxiliam o ensino de alunos com e sem deficiência visual.

Como resultado, identifica intensa relação entre o emprego de linguagem de estrutura empírica áudio-visual interdependente em episódios não-interativos/de autoridade, o decrescimento da utilização de tal estrutura nos episódios interativos e/ou dialógicos, a criação de ambientes segregativos de ensino no interior da sala de aula, e a frequente utilização de linguagem de estrutura empírica tátil-auditiva interdependente nesses ambientes. Discute, ainda, o conceito de “necessidade educacional especial”, seu emprego inadequado e sugestões para seu uso correto. Finaliza afirmando que a interatividade, ao aproximar aluno com e sem deficiência visual, favorece a utilização de linguagens de acesso não-visual, e reconhece a importância do professor ao organizar sua comunicação em função de linguagens acessíveis a todos os discentes.

Como adquirir o livro:

Os interessados em adquirir o livro devem proceder da seguinte maneira:


1) Depositar 46,00 reais em nome de Eder Pires de Camargo nas seguintes opções bancárias:

Banco do Brasil.

    Ag: 2833-9

   Cc: 105748-0

O livro tem o valor de R$ 40,00 e os R$ 6,00 correspondem ao valor de postagem. 

2) Encaminhar, por e-mail, aos cuidados de Eder Pires de Camargo, o comprovante de depósito e endereço para envio do livro. 
e-mail: camargoep@dfq.feis.unesp.br ou camargoep@uol.com.br


Prezados colegas. É com grande alegria que divulgo o lançamento de meu mais novo livro:

 “Saberes docentes para a inclusão do aluno com deficiência visual em aulas de Física"

 
O livro É   resultado de um estudo de pós doutorado sob a supervisão do prof. Dr. Roberto Nardi e com apoio   da FAPESP,  o mesmo analisa perfis lingüísticos e contextos comunicacionais adequados e inadequados para a promoção de processos de ensino e aprendizagem de física em ambiente que contou com a presença de alunos com e sem deficiência visual.
Traz uma análise da relação entre tipo de percepção e conceito e fenômeno físico, indicando qualitativamente os conceitos e fenômenos que estabelecem relações vinculadas ou indissociáveis da percepção visual.
Mostra que muitos conceitos físicos são independentes da visão para serem compreendidos, além de indicar aqueles que necessitam da percepção visual para o pleno acesso e entendimento.
Apresenta uma análise  qualiquantitativa de perfis lingüísticos mais empregados em sala de aula de física,  explicitando duas estruturas centrais da linguagem, ou seja, empírica e semântico-sensorial. 
Mostra que perfis lingüísticos fundamentados em estrutura empírica audiovisual interdependentes formam a base de dificuldades de comunicação, e, portanto de ensino, entre professor e aluno cego.
Finaliza apontando um conjunto de saberes inerentes aos conceitos e fenômenos físicos e à deficiência visual necessários para a promoção de participação efetiva de alunos cegos ou com baixa visão em aulas de física.
O livro na íntegra e de forma gratuita está disponível  no catálogo da editora da UNESP (http://www.editoraunesp.com.br/catalogo-detalhe.asp?ctl_id=1519)

Convido a todos a visitar o link, baixar o livro e divulgar entre seus contatos. Em breve a editora da UNESP disponibilizará o livro impresso.

Abraço a todos

Eder Pires de Camargo
Professor Dr. Do Departamento de Física e Química, Faculdade de engenharia, UNESP, Ilha Solteira- SP e Programa de Pós-graduação para a ciências, área de concentração ensino de ciências, Faculdade de ciências, Departamento de educação, UNESP, Bauru – SP